sábado, 8 de setembro de 2012

GALOPAR O AMOR


OUSADA DECISÃO,
 a minha
Com segurança 
fiz a minha escolha
Fiquei aqui aberta
Tal fêmea esperta..
Velhas angustias
Deletei de mim
Reinventei a cor..
Criei um clima
excitante
Me fiz amante
A lua cheia
Iluminou nós dois...
E novos rumos
Nos sumos 
Da minha flor
Num sonho bom
Adormeci depois...
Curti o louco
Galope do teu amor !
  

Dorothy de Castro                 Poesias Pontilhadas

2 comentários:

Paulo Alvarenga disse...

Lido esse encontro sob a lua... bjs perfeito.

evandro junior disse...

Do quebrar dos seus grilhões por vc mesma, um novo mundo, esse de muito amor será o verde pasto de duas vidas.

Postar um comentário

Poesias Pontilhadas © 2008. Design by :Yanku Templates Sponsored by: Tutorial87 Commentcute