sexta-feira, 8 de julho de 2011

O PÓ DE NÓS DOIS

Acho que te deixo de amar,
De te esperar de sonhar...
Acho que não posso mais,
Buscar teu corpo pra aquecer
o meu...
Estou sem tempo pra
mim e pra ti,
Acho que é tarde meu amor...
A dor da saudade me invade,
Voce me evita e eu corro atraz
de ti,assim....
Mas se você quizer, não minto
mais...
Porque a verdade é uma só:
Se desgrudarem a gente,
nos transformamos em pó!!!...


Dorothy de Castro Orgasmo Poético

0 comentários:

Postar um comentário

Poesias Pontilhadas © 2008. Design by :Yanku Templates Sponsored by: Tutorial87 Commentcute