sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

FUSÃO

Não existe paixão sem apego
Aceito as diferenças
Assim como a chama necessita da madeira para existir
A madeira precisa do fogo para brilhar!
Não me reconheço como um ser autônomo
Preciso dessa fusão, eu e voce.
Numa simbiose natural
Procuro te trazer ao côncavo do peito
Prá te moldar, fazer-te do meu jeito...
Dizer adeus ao homem marginal !!!

1 comentários:

lara rittori disse...

Não entendi muito essa parte abstrata do homem marginal ,mas tudo bem mesmo assim obrigado!

rsrsrs

Postar um comentário

Poesias Pontilhadas © 2008. Design by :Yanku Templates Sponsored by: Tutorial87 Commentcute