segunda-feira, 6 de junho de 2011

"SEU NOVO AMOR"

Apareceu um novo amor eu sei
Tão declarado tão desgovernado
E nem maior que o meu pode apostar
Mas já se apossa do teu coração


E quer tirar o que plantei um dia
Com as delicias da minha magia
Com tudo que ofereço na paixão
Nas frases loucas do meu poetar


Tomara seja alguma coisa a mais
Tomara traga uma infinita paz
E tenha sim os beijos mais intensos
Que a sua boca peça pra beijar


Mas se te faz feliz é o que me importa
E sejam teus delirios mais imensos
Ainda que pra isso eu fique morta
E nunca mais te possa  desejar!!!




Dorothy de Castro Orgasmo Poético



0 comentários:

Postar um comentário

Poesias Pontilhadas © 2008. Design by :Yanku Templates Sponsored by: Tutorial87 Commentcute